Quem São As Profissionais Brasileiras Que Estão Fazendo

27 Apr 2019 18:15
Tags

Back to list of posts

<h1>Uma Solu&ccedil;&atilde;o Pras Pequenas Corpora&ccedil;&otilde;es</h1>

<p>No tempo em que a Copa do Mundo distrai os brasileiros, a maioria do Congresso Nacional aproveita para aprovar benef&iacute;cios fiscais (benesses) a fortes institui&ccedil;&otilde;es, como a das transportadoras. Parece que grande por&ccedil;&atilde;o dos parlamentares est&aacute; desconectada da real incerteza econ&ocirc;mica e or&ccedil;ament&aacute;ria que a na&ccedil;&atilde;o atravessa e mais preocupada em possibilitar benef&iacute;cios a setores que conseguem render votos nas elei&ccedil;&otilde;es de outubro.</p>

social-media-marketing-e1430407975761.jpg

<p>At&eacute; no momento em que o pa&iacute;s vai resistir, ante as press&otilde;es das organiza&ccedil;&otilde;es p&uacute;blicas e privadas? Jornalistas Detonam O Flamengo Por Provoca&ccedil;&atilde;o Ao Botafogo Nas Redes sociais O Dia passou da hora de termos esse debate, em defesa do interesse coletivo. O Congresso aprova mais e mais gastos. Apesar de que muita gente n&atilde;o enxergue isso, essa conduta dos parlamentares em t&eacute;rmino de mandato &eacute; reflexo de um presidente fraco e ref&eacute;m de pol&iacute;ticos inescrupulosos que o sabotam com a garantia de mant&ecirc;-lo no poder.</p>

<ul>

<li>Evite hastags em ingl&ecirc;s</li>

<li>Proposta de reda&ccedil;&atilde;o do Enem 2010 nos pres&iacute;dios</li>

<li>Olhe perspectivas respeit&aacute;veis</li>

<li>Configurar seus alts de imagem</li>

<li>quatro Online product configurators</li>

<li>trinta e quatro Luciano Loeblein</li>

</ul>

<p>Um presidente forte teria a bravura de vetar todos esses aumentos de gastos propostos e jogar o problema no colo dos parlamentares. As seis Redes sociais Mais Famosos Do Momento realidade &eacute; bem distinto. A atua&ccedil;&atilde;o legislativa desta corja majorit&aacute;ria que diz representar-nos neste instante ultrapassou, h&aacute; muito, os limites da responsabilidade. Em plena recess&atilde;o econ&ocirc;mica, que afeta todas as fam&iacute;lias brasileiras, conceder benef&iacute;cios a setores empresariais com dinheiro alheio - o nosso!</p>

<p>Vamos agir: acessem o web site da C&acirc;mara e do Senado e verifiquem os deputados e senadores representantes de sua regi&atilde;o que indicaram estes projetos de lei e os que votaram a favor de tais descalabros. Repassem os detalhes a seus c&iacute;rculos de relacionamento, pessoalmente e via internet, assim como &agrave; imprensa ambiente e regional. Vamos come&ccedil;ar a atuar contra a reelei&ccedil;&atilde;o nesse bando de irrespons&aacute;veis que se fingem de legisladores, &agrave; nossa custa.</p>

<p>Permanecer somente no lamento &eacute; renunciar &agrave; nossa cidadania e prosseguir a permiss&atilde;o, avenida voto, dessas irresponsabilidades! Na&ccedil;&atilde;o est&aacute; com o Como Utilizar As Redes sociais A favor Da Tua Estrat&eacute;gia De Marketing Digital . Redes sociais Ganham Espa&ccedil;o Pela Estrat&eacute;gia De Marketing , com a posse do novo presidente, tenhamos, com a aux&iacute;lio de Deus, condi&ccedil;&otilde;es de sair do buraco. Setenta e seis bilh&otilde;es dariam para concluir todas as obras paradas no Na&ccedil;&atilde;o.</p>

<p>Pois que bem, quantos empregos renderiam? De quanto e quais seriam os retornos pro(s) governo(s)? Salvemos estas obras, que est&atilde;o sendo jogadas no lixo e em que foi gasto muito dinheiro nosso - at&eacute; as propinas prontamente foram pagas! Jamais saberemos com certeza quantas pessoas faleceram em filas de hospitais, sem atendimento, ou quantas foram assassinadas por aus&ecirc;ncia de seguran&ccedil;a.</p>

<p>Tudo devido a do desvio de dinheiro p&uacute;blico, que deveria ter sido aplicado em sa&uacute;de e seguran&ccedil;a. Em vista disso, por que regalias? O que torna o aprisionado da Lava Jato menos pior que os outros presidi&aacute;rios? Segundo publicado pela m&iacute;dia, 32% dos eleitores encontram que o &uacute;nico pol&iacute;tico preparado pra acelerar o crescimento da economia brasileira &eacute; o presidi&aacute;rio-mor de Curitiba. N&atilde;o consigo entender como essas pessoas veem isto, dado o epis&oacute;dio de que este condenado afundou a na&ccedil;&atilde;o numa tremenda recess&atilde;o, com milh&otilde;es de desempregados. Como dizia um comediante das antigas, “a inguinoran&ccedil;a &eacute; que astravanca o pogressio”. Ao insistirem na liberta&ccedil;&atilde;o do Lula, o PT motiva uma briga civil.</p>

<p>Jos&eacute; Eduardo Faria &eacute; professor de Filosofia e Hip&oacute;tese do Justo da USP e da FGV, e n&atilde;o professor de Ci&ecirc;ncia Pol&iacute;tica da USP, como publicado ontem (A2). A comunidade, desalentada, impotente e perplexa toma entendimento que Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu libertar mais um acusado da Opera&ccedil;&atilde;o C&acirc;mbio, desligo, o sexto, aprisionado preventivamente pelo juiz Marcelo Bretas, da Lava Jato do Rio de Janeiro. O ministro Luiz Fux fala em anular elei&ccedil;&otilde;es, como se fosse dono do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). J&aacute; o ministro Dias Toffoli, preocupa-se com o uso do ingl&ecirc;s! Enfim, sobre os ministros do STF, melhor &eacute; recorrer ao &quot;no news, good news&quot;.</p>

Comments: 0

Add a New Comment

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License